vinho branco lágrimas

O que são as lágrimas dos vinhos?

Popularmente conhecidas como lágrimas de vinho, as arquetes são uma das primeiras etapas de análise de um rótulo. Elas são aquelas gotas que escorrem em forma de lágrima após o enólogo girar o vinho dentro da taça. O fenômeno diz muito sobre a bebida, podendo indicar o seu teor alcóolico e doçura. 

 

Por isso, mesmo antes de colocar a bebida na boca, apenas ao analisar a lágrima o especialista já consegue ter algumas informações sobre o vinho. Caso elas sejam mais frequentes, aglutinadas e desçam mais devagar, é possível interpretar que a bebida tem alto teor alcóolico. Agora, se as lágrimas forem espaçadas, poucas e descerem rápido, quer dizer que o vinho tem menos teor alcoólico. 

 

O que são as lágrimas, afinal?

 

Também conhecidas como efeito Maragoni, por terem sidas desvendadas pelos físicos Carlo Maragoni e James Thompson, no século dezenove, as lágrimas nada mais são do que um efeito físico-químico  entre água e álcool. 

 

Os dois compostos têm tensão superficial e volatilidade diferentes, ou seja, a força com que suas moléculas estão interligadas e a velocidade com que evaporam são distintas. A água, por exemplo, tem alta tensão superficial — tanto que alguns insetos conseguem ficar “em cima” de uma gota, por exemplo. Já o álcool tem alta volatilidade, ou seja, evapora rápido. 

 

Quando o enólogo gira o vinho dentro da taça, ele forma um filete da bebida nas paredes do objeto e o movimento faz com que o álcool evapore mais rápido, com tem tensão maior, a água fica “presa” na parede da taça e a gravidade a faz escorrer em formato de lágrimas. 

 

Mas dentro dessa explicação ainda entra mais um fator: o açúcar. Ele faz com que o vinho seja mais viscoso, então quanto mais doce e licorosa a bebida, mais lágrimas ela terá e mais lentamente elas descerão pela taça. 

 

Como decidir por um vinho pelas lágrimas

 

Apenas vinhos tranquilos formam as arquetes, os espumantes não apresentam o fenômeno. Como falamos,  observar as lágrimas faz parte da análise sensorial da bebida e mesmo sem ter a experimentado é possível identificar se ela irá agradar ao paladar. 

 

Quem prefere um vinho mais encorpado e com alto teor alcoólico precisa se certificar que ao rodar a bebida serão formadas várias lágrimas que escorrem lentamente pela parede. Já quem prefere uma bebida mais leve e  com menos álcool deve observar se as lágrimas são escassas e descem rápido.

 

Na VinhoBR você encontra vinhos para todos os gostos e com um preço em conta, como o chileno Ventisquero Grey Caeménère que apresenta taninos firmes e maduros, tem corpo concentrado e notas de cereja, chocolate e pimenta-do-reino; ou o Chianti Loggia Dei Sani, equilibrado e com sabor frutado e floral; já para quem prefere algo mais marcante e complexo, o  Vigne Vecchie Primitivo di Manduria apresenta aromas de cerejas, framboesas maduras e notas de chocolate.

 

Confira as ofertas no site.