1

10 dicas de vinhos Argentinos

A  Argentina é o quinto maior produtor de vinho do mundo, com cerca de 210 mil hectares de uvas plantadas. Os vinhos da região são conhecidos, principalmente os tintos, por serem ricos, concentrados e macios. As uvas de destaque são Malbec e Cabernet Sauvignon. O sucesso das bebidas produzidas na região se dá por conta de um terroir privilegiado, que possibilita a plantação em altitude. 

 

Conheça dez rótulos argentinos para degustar:

 

1- Matias Riccitelli Tinto de La Casa: produzido a partir da uva Malbec, o vinho tem taninos redondos,  notas de frutas negras, cor púrpura e aroma de vanilla e chocolate. Elegante, a bebida é proveniente da região de Mendoza – principal  área vinícola do país. O ideal é ser servido entre 15º e 18º e harmoniza bem com carnes grelhadas, queijos e massas.

 

2 – Mosquita Muerta Blend Tintas: composto por 40% de uva Malbec de Vista Flores, 40% de Malbec de Chacayes, 30% Cabernet Sauvignon, 5% de Merlot e 5% de Cabernet Franc, a bebida é intensa, encorpada e equilibrada. Os aromas são mais próximos do café, cassis e cacau. A harmonização pode ser feita com carnes, em um geral. 

 

3- Sapo de Otro Pozo: o vinho é feito a partir de 30% de uvas Malbec de Vista Flores, 30% Malbec de Gualtallary, 20% Syrah e 20% de Cabernet Franc. A bebida é intensa, encorpada e equilibrada, com notas de cacau, café e cassis. O vinho combina com churrasco, hambúrgueres ou massas, o ideal é que seja servido entre 16º e 18º .

 

4- Alta Vista Terroir Selection Malbec: a composição é feita a partir de uvas Malbecs de cinco vinhedos diferentes: Alta Vista – Alizarine, Azamor, Serenade, Albaneve e Temis. A bebida é fresca e tem uma textura aveludada, com notas de especiarias e frutas pretas. Sua harmonização pode ser feita com  carne vermelha assada ou grelhada, queijos ou carne de caça. 

 

5- Norton Altura Cabernet Franc: o vinho feito a partir de uvas Cabernet Franc é complexo, estruturado e tem textura fina. A bebida tem notas de frutas negras e vermelhas e tabaco. Deve ser consumido a 16º e harmoniza muito com com carré de cordeiro grelhado. 

 

6- Matias Riccitelli Vineyard Selection Malbec: o vinho é feito com os melhores Malbecs da família Riccitelli e resulta em uma bebida complexa, elegante e estruturada, com notas de amoras silvestres, cerejas pretas e florais. A melhor harmonização é com  queijos, carnes grelhadas e chocolate. 

 

7-  BenMarco Expressivo: produzido a partir de 65% de uva Malbec, 30% de Cabernet Franc e 5% de Cabernet Sauvignon, o vinho é encorpado, tem taninos marcantes e acidez média. A bebida é frutada e amadeirada, com nuances de chocolate. Deve ser servida a 15º e harmoniza bem  com carnes vermelhas, massas e aves. 

 

8-  Pispi Blend de Tintas by Mosquita Muerta: o vinho é composto por 40% Malbec, 20% Petit Verdot, 20% Bonarda, 10% Cabernet Franc Medrano e 10% Merlot. O resultado é uma bebida elegante, equilibrada e sutil, com taninos aveludados e aromas de amoras, cerejas, especiarias e groselha. 

 

9- Doña Paula Estate Black Edition: composto por 60% Malbec, 37% Cabernet Sauvignon e 3% Petit Verdot, a bebida é intensa, elegante e marcante. Deve ser consumida entre 16º e 18º e combina com  carnes vermelhas, carnes de caça e massas. 

 

10- Alta Vista Alto Malbec/ Cabernet Sauvignon: o blend é feito a partir de 75% de uva Malbec e 25% de Cabernet Sauvignon. Sua cor é rubi intensa e traz notas de minerais e chocolate. O vinho é refinado, com taninos finos e grande complexidade. Seu consumo deve ser feito entre 16º e 18º e harmoniza com carnes vermelhas, queijos e carnes de caça. 

 

Encontre esses e outros rótulos argentinos com os melhores preços na VinhoBR.